Pular para o conteúdo principal

BR-135 é a rodovia campeã de acidentes registrados em 2011

Um dos acidentes ocorridos na BR-135 este ano que resultou em morte e ferimento de várias pessoas
De janeiro a novembro deste ano, a Polícia Rodoviária Federal registrou 740 acidentes ao longo de toda a rodovia
 
Rosário-MA: A BR-135 continua sendo a rodovia federal onde foram registrados os maiores índices de acidentes no Maranhão, segundo aponta a Superintendência da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Maranhão. O estado é cortado por sete rodovias federais: BRs 135, 316, 010, 222, 230, 226 e 402.

O balanço da instituição mostra que de janeiro a novembro deste ano foram registrados 740 acidentes ao longo de toda a rodovia, o que representa uma média de dois acidentes por dia.

O trecho mais crítico da rodovia, ou seja, onde foi registrado o maior número de ocorrências, foi no espaço entre São Luís e o município de Bacabeira. Foram 385 acidentes.

O balanço da PRF diz que nesse mesmo trecho foram registrados 93 feridos leves, 60 feridos graves e mais 15 mortos, todos vítimas desses acidentes. De janeiro a novembro, em toda a extensão da BR-135, o número sobe para 194 feridos leves, 140 feridos graves e 41 mortos.

Pelo levantamento da PRF, em segundo lugar, aparece a BR-010, com 437 acidentes de trânsito registrados ao longo da rodovia de janeiro a novembro deste ano, representando uma média de um acidente por dia nessa rodovia.

Até o mês de novembro, já foram registrados ao longo da BR-010 186 feridos leves, 116 feridos graves e 16 pessoas mortas por causa dos acidentes.

O trecho onde foram registrados os maiores índices de acidentes nessa rodovia vai do km 250 ao km 260, na cidade de Imperatriz, somando 301 acidentes, com 113 pessoas feridas levemente, 71 feridas gravemente e mais quatro pessoas mortas.

Terceira - Segundo o relatório da Superintendência da PRF no estado, a BR-222 está em terceiro lugar em número de acidentes registrados de janeiro a novembro, com 238 ocorrências na rodovia federal. Tais acidentes resultaram em 146 feridos leves, 92 feridos graves e 29 pessoas mortas.

Os dados da Polícia Rodoviária Federal mostram também que o trecho mais violento da BR-222 se estende do km 670 ao 680, no município de Acailândia, onde foram registrados 101 acidentes, o que resultou em 146 feridos leves, 92 feridos graves e mais 29 pessoas mortas.

Em quarto lugar, com relação ao número de acidentes, surge a BR-316, com 184 acidentes ocorridos ao longo da rodovia, até o mês de novembro. Tais acidentes tiveram como consequência a morte de 11 pessoas e deixaram também 81 pessoas feridas levemente e 82 feridas gravemente.

O trecho mais violento dessa rodovia vai do km 260 ao 270, em Timon, com 45 acidentes, onde foram registradas 12 pessoas feridas levemente, 17 feridas gravemente e mais 11 mortes.

Segundo o relatório da PRF, a BR-230 aparece como a quinta colocada em número de acidentes, totalizando 117 ocorrências. O resultado foi 92 feridos leves, 35 feridos graves e 29 mortos.

O trecho mais crítico dessa rodovia vai do km 400 ao 410, nas proximidades do município de Balsas. Nesse intervalo, foram conferidos 63 acidentes, resultando em 40 pessoas feridas levemente, 13 feridas gravemente e duas mortes.

Sexta - A BR-226 aparece em sexto lugar em número de acidentes, com 38 ocorrências registradas ao longo da rodovia até o mês de novembro, o que resultou em 25 pessoas feridas levemente, seis feridas gravemente e 14 mortes. O trecho mais violento dessa estrada se estende do km 530 ao 540, no município de Peritoró, onde foram contabilizados seis acidentes, com cinco feridos leves, dois feridos graves e mais duas pessoas mortas.

E por fim, vem a BR-402, que registrou de janeiro a novembro 22 acidentes, resultando em sete pessoas feridas levemente, nove feridas gravemente e quatro mortes. O trecho que teve o maior número de acidentes se estende do km 0 ao 10, onde foram registrados 14 acidentes, com cinco feridos leves, seis feridos graves e nenhuma morte.

De acordo com o chefe do setor de Policiamento e Fiscalização da PRF no Maranhão, inspetor Júlio Licá, para compor esse relatório, foi necessário identificar as ocorrências registradas em cada delegacia da PRF espalhada pelo estado.

“Nós identificamos em quais delegacias foi registrado o maior número de ocorrência e depois deslocamos um contingente de agentes para essa região para resolver o problema”, disse o inspetor.

Júlio Licá pontuou ainda que as principais causas dos acidentes continua sendo as imprudência dos condutores. “O que nós observamos é que na maioria das vezes esses acidentes acontecem por desrespeito às leis de trânsito, dirigir alcoolizado e ultrapassagem indevida. Tudo isso caracterizando posturas imprudentes”, afirmou o inspetor.

A Superintendência da Polícia Rodoviária federal no Maranhão conta com cinco delegacias de fiscalização espalhadas por todo o estado: Pedrinhas, Santa Inês, Caxias, Imperatriz e Balsas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Moradora do povoado de São Miguel leva água suja para a prefeita Irlahi beber e depois a esculhamba

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes (PMDB), foi esculhambada durante uma reunião realizada na terça-feira passada (14), em Casa Grande no povoado de São Miguel, segundo uma fonte que estava na reunião uma mulher conhecida como Rosa na hora do discurso da prefeita Irlahi no povoado entregou um presente para a prefeita embrulhado em um papel de presente quando a prefeita Irlahi Moraes, totalmente sorridente desembrulhou o presente viu que  era um litro de água que continha uma  água totalmente suja imprópria para o consumo a fisionomia da prefeita de Rosário Irlahi mudou quando os moradores do povoado gritaram para a prefeita Irlahi beber a água suja que estava no litro mais a prefeita recusou beber a água suja.
A moradora Rosa do povoado de São Miguel soltou o verbo e disse "olha isso Prefeita Irlahi está água que nós tomamos aqui no povoado uma água suja, imprópria para o consumo sem tratamento  a senhora abandonou o povoado de São Miguel e a resposta virá nas urnas no mês de outu…

MP notificou a prefeita Irlahi e Calvet Filho por campanhas irregulares e crimes eleitorais; Irlahi ainda responde por Showmício

Rosário-MA: Dois candidatos a prefeitos de Rosário foram notificados na Justiiça Eleitoral pelo Ministério Público, devido a irregularidade em suas campanhas e até crimes eleitorais.  As notificações foram assinadas pela juíza eleitoral Karine Lopes de Castro da 18ª Zona Eleitoral-MA.

Contra Irlahi Moraes (PMDB) pesa a representação Nº 795-46.2016.6.10.0094 e contra Calvet Filho (PSDB) a N° 746-31.2016.10.6.10.0094. É importante ressaltar que eles podem recorrer, mas por se tratar de ações ingressadas pelo próprio MP é bem possível que sejam punidos. Nos bastidores políticos já é esperado que ambas campanhas recebam multas pesadas.


Irlahi Moraes desde a sua convenção tem atropelado todos os protocolos eleitorais, por exemplo: realizando caminhada no dia da sua convenção pelas ruas da cidade a distâncias superiores a 100 metros do local do evento. Já Calvet Filho ates mesmo da eleição já fazia propaganda irregular desafiando a Justiça Eleitoral com comícios, carros adesivados com propaga…

Rosário:IRLAHI Moraes a nova prefeita ostentação do MA

O retrato verdadeiro do contraste social acontece no município de Rosário, de um lado o descaso e o desprezo com a população. E do outro lado, muita ostentação e curtição. Quem conhece a cidade de Rosário pode sentir na pele a falta de compromisso da atual gestão, comandada pela prefeita de Rosário Irlahi Moraes, com a precariedade da saúde, a falta de infraestrutura nos bairros da cidade  e nos povoados, as estradas na zona rural sem manutenção, falta de água em muitos povoados sem falar da água suja sem qualidade nos povoados.


Como se não bastasse todo esse caos e em plena crise administrativa que passa Rosário mostra que tem bastante dinheiro em caixa, pelo menos pra ostentar. A prefeita Irlahi Moraes foi flagrado  ostentando na companhia do Namorado o ex-deputado estadual Pedro Vasconcelos e família, numa  luxuosa Lancha no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses com toda a família. O brasil desabando, o município sem dinheiro para pagar os fornecedores a saúde um caos, Irlahi viaj…