Pular para o conteúdo principal

Acidente na BR-135 mata três pessoas e deixa duas feridas

Três pessoas mortas foi o saldo de um acidente, ocorrido por volta das 10h de ontem (6), no Km 47, da BR-135, no povoado Perizes de Cima, no município de Bacabeira. Duas das vítimas morreram no local e outras três ficaram feridas, uma em estado grave, e foram conduzidas para o Hospital Municipal Clementino Moura, o Socorrão 2, em São Luís.

De acordo com informações colhidas no local do acidente por policiais rodoviários federais, o vereador Carlos Magno Cabral, da cidade de Bacabeira, que conduzia uma L200, de cor prata e placa NMV-7679, estava abastecendo no posto de combustíveis Bacanga e, ao sair do local, foi surpreendido pelo veículo Ford Fiesta, de cor vinho e placa NWX-3603, que fez uma ultrapassagem perigosa a uma carreta, entrando na contramão.


Corpos das duas vítimas ficaram estendidos à margem da BR-135

Segundo a PRF, os dois veículos se chocaram de frente e, com a violência do acidente, duas pessoas, o condutor do Fiesta – José Carlos Leite Santos, de 58 anos, e Antônia Rodrigues da Silva, 53, morreram ainda no local. Outras três pessoas, sendo dois homens (um se chamaria Orlando) e uma mulher, foram levadas feridas para o Socorrão 2, por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). À noite a mulher, de nome Domingas Rodrigues da Silva, também de 53 anos, não resistiu à gravidade dos ferimentos e seu corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), por volta das 20h40.

Inspetores da PRF informaram que a suspeita é de que o veículo conduzido por José Carlos estava sendo utilizado para o transporte irregular de pessoas para o interior do estado. Já o vereador seguiria para São Luís.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros trabalhou no local, fazendo a lavagem da via, para retirada de resíduos de combustível e óleo, com o objetivo de evitar outros acidentes.

O Jornal Pequeno foi informado, na noite de ontem, que o motorista do Fiesta, José Carlos, seria funcionário da Prefeitura de Alto Alegre do Maranhão, mas que residia no Bairro do São Bernardo, em São Luís; e, possivelmente, aproveitava suas viagens para ganhar dinheiro extra, transportando pessoas para aquele município. Antônia Rodrigues da Silva, que não era irmã da outra mulher, morava em Alto Alegre.

Outros acidentes – Ainda na BR-135, outro acidente com morte foi registrado na manhã de ontem, nas proximidades do município de Matões do Norte, entre Miranda e São Mateus. A vítima foi um motoqueiro, de identificação ainda não informada, que morreu no local depois de bater na traseira de um caminhão boiadeiro. O corpo do motoqueiro não foi trazido para o IML de São Luís, devido à demanda do Instituto em fazer o transporte dos corpos do acidente ocorrido em Bacabeira.

Também deu entrada no IML, às 10h15 de ontem, vítima de acidente de trânsito, no povoado de Arariaçu, no município de Arari, o corpo de José Raimundo Sampaio, de 51 anos. Ele estava internado no Hospital Municipal Djalma Marques, o Socorrão 1, mas não resistiu aos ferimentos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Prefeita de Rosário compra caixões para enterrar toda a população da cidade

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes, não  investe na saúde da cidade onde no hospital SESP não tem uma agulha e agora a gestora  pretende  enterrar toda população da cidade literalmente lançando um mau agouro aos Rosariense.
De acordo como mostra o contrato  a prefeita Irlahi, determinou a compra de mais de R$ 280 mil em caixões para defunto,  com a fornecedora Deusimar R. Ferreira, nome de fantasia Pax Nossa Senhora do Rosário. O caso deve gera polêmica e revolta onde a prefeita Irlahi pretende enterrar toda a população como mostra o contrato com a fornecedora.
O caso é parecido com o da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, que ficou famosa com o título de prefeita ostentação. Lidiane foi condenada por gastar R$ 130 mil em urnas funerárias… Veja o contrato abaixo: