Pular para o conteúdo principal

Assassino de Décio Sá executou dois homens em Santa Inês em outubro de 2010

Identificado à época com o nome de Leandro da Silva Conceição, o principal acusado de ser o executor do jornalista e blogueiro Décio Leite de Sá, 42 anos, que foi preso já com a identidade de Jhonatan de Sousa Silva, é o responsável pelo assassinato de duas pessoas em Santa Inês, crime ocorrido no dia 12 de outubro de 2010, no Bairro Cotia Pelada. Ele executou com tiros na cabeça os homens Antônio Pereira Lima e Geraldo Araújo Pereira.

Releia a matéria abaixo que foi publicada na edição 549 do Jornal AGORA Santa Inês em outubro de 2010, sob a manchete “Homem mata dois na Cotia Pelada em Santa Inês na noite de terça-feira”.

A PRISÃO
Ao todo, sete pessoas foram presas na operação "Detonando" deflagrada, na manhã desta quarta-feira (13), pela polícia do Maranhão. Dois empresários do Pará, um da cidade de Santa Inês, no Maranhão, dois assessores do empresário de Santa Inês, um subcomandante do Choque da Polícia Militar e Jhonatan de Sousa Silva, que seria assassino de Décio Sá seriam as sete pessoas presas.

Os empresários do Pará seriam do ramo de fornecimento de merenda escolar, e o outro, de Santa Inês, seria do ramo de revenda de bebidas, dono da representação da Cerpa.. O subcomandante da Polícia Militar teria emprestado a arma que foi usada para matar o jornalista, segundo as primeiras informações.

Os outros presos são das cidades de Santa Inês, Zé Doca e São Luís, no Maranhão.

Na operação, estão sendo empregados doze delegados e setenta policiais civis e homens do GTA. Os presos serão apresentados na Secretaria de Segurança Pública do Maranhão no início da tarde de hoje.

As vítimas são Antônio Pereira Lima e Geraldo Araújo Pereira. Foram mortos durante jogo de sinuca
Homem mata dois na Cotia Pelada em Santa Inês na noite de terça-feira
Antônio Pereira Lima e Geraldo Araújo Pereira foram assassinados com tiros na cabeça, na noite de terça-feira, (12), no bairro da Cotia Pelada em Santa Inês. O duplo homicídio foi praticado pelo paraense Leandro da Silva Conceição.

De acordo com a polícia, Leandro, em companhia de outras quatro pessoas, entre as quais, os também paraenses Denis Nascimento Alves e Cleilson Macena Sousa, além de Raimunda Catarina de Freitas e Ana Paula da Silva, estavam em um bar jogando sinuca. As vítimas estavam juntamente com o grupo se divertindo.

De repente, teve início a uma confusão generalizada, segundo informações repassadas a equipe de reportagem, a briga foi gerada por uma aposta feita na mesa de sinuca que não foi paga. Leandro foi até à residência onde estava hospedado e retornou ao bar armado com uma pistola calibre 380. Ele atirou contra a cabeça de Antônio Pereira e Geraldo Araújo, que morreram na hora.

Ana Paula da Silva chegou a esconder a arma utilizada no crime no banheiro do bar. O quinteto, ainda tentou fugir do local em um celta, mas foi cercado por policiais militares, que efetuaram a prisão. Eles foram conduzidos para a delegacia de Santa Inês, onde foram autuados em flagrante. Além da pistola, a polícia apreendeu carregadores de pistola e um silenciador.

Os enterros das vítimas ocorreram no final da tarde de ontem, quarta-feira, no Cemitério do São Benedito. Quando o cortejo passava em frente da delegacia, familiares e amigos das vítimas tentaram invadir a Regional com o intuito de resgatar os envolvidos nos assassinatos, acusados de causarem as mortes de Antônio e Geraldo. Eles conseguiram ainda quebrar a porta da frente mas foram contidos pelos policiais civis que estavam presentes no local. Polícia Militar esteve no local para reforçar a segurança, porém ninguém foi preso.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Criança morre após negligência médica em Axixá

Uma  criança de   1 ano onze meses perdeu a vida na cidade de Axixá, após negligência médica a mãe Valeria Silva se deslocou até o hospital e Maternidade em Axixá nesta segunda-feira (19),   na busca de atendimento médico para seu filho que se chama Dierlison Ryan, a mãe estava desesperada quando chegou no hospital na hora ser atendida o médico de plantão olhou para criança e alegou que a criança estava era só com sono e para mãe não se preocupa, sendo que a criança estava chorando e mãe falou para o médico que seu filho estava sim passado mal mais médico voltou a dizer que era só sono uma omissão de socorro por parte do médico da cidade.
A mãe não foi atendida no hospital onde o profissional da saúde ser quer examinou a criança para ver se tinha algo a mãe acabou voltando para casa sem atendimento médico, com o seu filho quando chegou em sua casa a  criança não resistiu veio a óbito,  morrendo na casa em plena cama da mãe.

A prefeita de Axixá Sônia vem fazendo uma péssima gestão e se q…

MP notificou a prefeita Irlahi e Calvet Filho por campanhas irregulares e crimes eleitorais; Irlahi ainda responde por Showmício

Rosário-MA: Dois candidatos a prefeitos de Rosário foram notificados na Justiiça Eleitoral pelo Ministério Público, devido a irregularidade em suas campanhas e até crimes eleitorais.  As notificações foram assinadas pela juíza eleitoral Karine Lopes de Castro da 18ª Zona Eleitoral-MA.

Contra Irlahi Moraes (PMDB) pesa a representação Nº 795-46.2016.6.10.0094 e contra Calvet Filho (PSDB) a N° 746-31.2016.10.6.10.0094. É importante ressaltar que eles podem recorrer, mas por se tratar de ações ingressadas pelo próprio MP é bem possível que sejam punidos. Nos bastidores políticos já é esperado que ambas campanhas recebam multas pesadas.


Irlahi Moraes desde a sua convenção tem atropelado todos os protocolos eleitorais, por exemplo: realizando caminhada no dia da sua convenção pelas ruas da cidade a distâncias superiores a 100 metros do local do evento. Já Calvet Filho ates mesmo da eleição já fazia propaganda irregular desafiando a Justiça Eleitoral com comícios, carros adesivados com propaga…

Empresária morre após ser baleada durante assalto e populares pedem justiça e querem invadir a delegacia de Rosário e linchar os assassinos.

Empresária Adilce Silva  dona da academia Espaço Fitness  morreu após ser baleada durante um assalto na noite   deste domingo (21) .   De acordo com informações a vítima estava na padaria da família que fica localizada na rua Benedito Leite no centro de Rosário, quando foi abordada pelos dois criminosos que são menores de idade. Segundo informações Adilce  e familiares entregaram os celulares e os pertences mais mesmo assim um dos criminosos atirou na empresária um absurdo um ato de crueldade com uma pessoa de bem um dos criminoso chegaram aponta a arma para uma criança de 4 anos sendo que a criança neto de Adilce .
A empresaria foi levada ao hospital SESP mais não resistiu Adilce Silva era casada com Zondeck Anceles que é irmão do gestor da regional da saúde de Rosário Willame Anceles. a empresaria Adilce é um símbolo do mundo fitness e na cidade e região.
Os bandidos foram presos e a população cercou a delegacia e  a população esta revoltada e pedindo justiça.
A violência to…