Pular para o conteúdo principal

Governo do estado reforça policiamento na capital e no interior do Maranhão

Policias fazem operação no centro histórico
O governo do Estado reforçou o policiamento tanto na capital quanto no interior do Maranhão. Já nesta primeira semana do ano, foram deflagradas duas operações de combate ao tráfico de drogas e circulação de armas. Em São Luís foi realizada a Operação Varredura, com foco na região do Centro Histórico, enquanto no interior ocorreu a Operação Ciclone.

Com caráter preventivo, a Operação Varredura mobilizou equipes da Companhia de Policiamento de Turismo (CPTur), Batalhão de Choque e Ronda Ostensiva  Tática Móvel (ROTAM). “Estamos intensificando o policiamento em toda a capital e temos colhido bons resultados em prol da sociedade”, frisou o comandante geral da Polícia Militar, coronel Marco Antônio Alves.

A operação integra o conjunto de medidas adotadas para pluralizar as ações preventivas inibindo a atuação de criminosos na capital. Durante as abordagens foram apreendidos materiais ilícitos utilizados por usuários de drogas e reforçado o combate ao porte ilegal de arma de fogo e ao crime organizado.

Na Operação Ciclone, realizada no interior, foram detidas 29 pessoas que foram conduzidas às delegacias regionais e distritais. Coordenada pela Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), a operação visou a pacificação das áreas de maior incidência criminal. Foram apreendidas espingardas, revólveres de vários calibres, motocicletas e drogas, como maconha e crack.

As ações foram realizadas nos municípios que integram as regionais de segurança de Rosário, Itapecuru-Mirim, Chapadinha, Pinheiro, Açailândia, Presidente Dutra, Barra do Corda e Timon. “Vamos atuar de forma mais intensa e objetiva no combate ao crime organizado. Essa operação é o início de uma série de medidas dessa natureza”, explicou o superintendente de Polícia Civil do Interior, delegado Dircival Gonçalves.

Na cidade de São Bernardo foram presos João Batista Moreno da Paz, Mayana Maria Martins de Oliveira, Alberto Nunes Carvalho, Ana Cristina de Lima. Em Colinas, foi detido Antônio Márcio Rego Nunes e apreendidos dois adolescentes, um deles com mandado de busca e apreensão e outro por ser integrante de um grupo envolvido com vários crimes na região.

No município de Trizidela do Vale foi cumprido um mandado de busca e apreensão contra Lívia Amada Mendes Leite. Com ela foram apreendidos um revolver calibre 38, três munições, duas motocicletas e 47 cabeças de crack, além de R$ 1 mil.

Em Itapecuru-Mirim, a polícia cumpriu mandados de prisão contra Luciana Mota dos Santos e Ana Lucia Pereira Moraes. Na ação, também, foi preso Flávio Fonseca pelo crime de tráfico de drogas. Na cidade de Açailândia foi detido Edvan Vilar Santos, 34 anos, suspeito de ter estuprado uma adolescente.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Prefeita de Rosário compra caixões para enterrar toda a população da cidade

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes, não  investe na saúde da cidade onde no hospital SESP não tem uma agulha e agora a gestora  pretende  enterrar toda população da cidade literalmente lançando um mau agouro aos Rosariense.
De acordo como mostra o contrato  a prefeita Irlahi, determinou a compra de mais de R$ 280 mil em caixões para defunto,  com a fornecedora Deusimar R. Ferreira, nome de fantasia Pax Nossa Senhora do Rosário. O caso deve gera polêmica e revolta onde a prefeita Irlahi pretende enterrar toda a população como mostra o contrato com a fornecedora.
O caso é parecido com o da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, que ficou famosa com o título de prefeita ostentação. Lidiane foi condenada por gastar R$ 130 mil em urnas funerárias… Veja o contrato abaixo: