Pular para o conteúdo principal

Vice-governador Carlos Brandão recebe embaixador da Índia para dialogar e construir parcerias entre Maranhão e Índia

Vice-governador e secretário Simplício Araújo entregam produtos maranhenses ao embaixador da Índia, Sunil Kumar Lal, e ao chefe da chancelaria da embaixada da Índia, Kovetan.
Como parte da programação da visita do embaixador da Índia, Sunil Kumar Lal, ao Maranhão, foi realizada, nesta segunda-feira (23), na Associação Comercial do Maranhão (ACM), uma plenária entre a classe empresarial do estado e a autoridade indiana. O encontro contou com a presença do vice-governador Carlos Brandão, que representou o governador Flávio Dino, e com palestra do secretário de Estado da Indústria e Comércio, Simplício Araújo, com o tema “Maranhão - Índia: Uma Relação de Empreendedores”.

De acordo com o secretário Simplício Araújo, o objetivo do encontro foi fomentar discussões para um possível acordo bilateral entre Maranhão e Índia. “O que queremos é gerar uma agenda de intenções para que possamos debater oportunidades de comércio entre o Maranhão e a Índia. Elaboramos um Tratado de Intenções que será entregue ao embaixador, o qual, dentre outros aspectos, contempla a implantação de um polo de ciência, tecnologia e inovação em nosso estado", disse.

Sobre isso o vice-governador, Carlos Brandão, explicou que a missão do Governo do Estado é oportunizar, dialogar e construir parcerias. “Esta é a missão do Governo do Maranhão quando o quesito é a expansão de nosso mercado interno e externo. O governador Flávio Dino já demonstrou isso quando criou o Conselho Empresarial do Maranhão (CEMA), coletivamente, e ao buscar alternativas para amenizar os impactos de nossa tributação e facilitar a atuação de nossos empresários”, afirmou.

Brandão também reforçou o interesse do governo em garantir a oferta de emprego e renda aos maranhenses, ao relembrar da última agenda governamental com representantes do Conselho Empresarial Brasil-EUA. De lá resultou o empenho de empresários norte-americanos em investir no talento empresarial maranhense. No dia 29 de abril, eles apresentarão propostas para a economia do Maranhão durante encontro com o Governo do Maranhão, que deverá ser sediado em Brasília.

Para o embaixador Sunil Kumar Lal, há diversas oportunidades de comércio entre o Maranhão e a Índia. "O Maranhão oferece segurança principalmente nos setores alimentício e energético. Além disso, a Índia é um dos maiores importadores de ouro, em sua maioria de Minas Gerais. Podemos abrir diálogo para que esse ouro possa ser comprado do Maranhão", afirmou o embaixador.

A presidente da Associação Comercial do Maranhão, Luzia Rezende, destacou a importância da visita do embaixador para a classe empresarial do estado. “Esperamos que o embaixador saia daqui tão encantado com o Maranhão quanto nós pela Índia, e que isso se concretize na forma de parcerias comerciais”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Prefeita de Rosário compra caixões para enterrar toda a população da cidade

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes, não  investe na saúde da cidade onde no hospital SESP não tem uma agulha e agora a gestora  pretende  enterrar toda população da cidade literalmente lançando um mau agouro aos Rosariense.
De acordo como mostra o contrato  a prefeita Irlahi, determinou a compra de mais de R$ 280 mil em caixões para defunto,  com a fornecedora Deusimar R. Ferreira, nome de fantasia Pax Nossa Senhora do Rosário. O caso deve gera polêmica e revolta onde a prefeita Irlahi pretende enterrar toda a população como mostra o contrato com a fornecedora.
O caso é parecido com o da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, que ficou famosa com o título de prefeita ostentação. Lidiane foi condenada por gastar R$ 130 mil em urnas funerárias… Veja o contrato abaixo: