Pular para o conteúdo principal

Governo lança programa ‘Água para Todos’ nesta segunda-feira (15)

O Governo do Estado, através da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema), lança nesta segunda-feira (15), às 8h30, o programa ‘Água para Todos’, que tem como missão uma das prioridades da gestão: levar água tratada a todos os lares maranhenses. A solenidade de lançamento será realizada pelo governador Flávio Dino e pelo diretor-presidente da Caema, Davi Telles, na sede da Companhia.

Ações efetivas vêm sendo realizadas pela Caema a fim de romper com o problema histórico que afeta milhões de maranhenses. “Desde o começo do nosso governo temos feito o máximo para mudar esse quadro. Nestes meses já realizamos reparos e intervenções emergenciais em várias cidades maranhenses. E vamos ampliar cada vez mais a nossa capacidade de dar respostas concretas aos graves problemas de fornecimento de água em diferentes lugares”, destacou o governador Flávio Dino.

Através do programa serão implantados Sistemas Plenos de Abastecimento de Água nos 30 municípios beneficiados com ações do ‘Mais IDH’. O primeiro sistema será inaugurado no município de Primeira Cruz, no próximo dia 20.

Emergencialmente, para reforçar o abastecimento de água na região central, o governo está investindo R$ 1,5 mi em obras de perfurações de seis poços. O primeiro deles, com vazão de 40 mil litros de água por hora, já foi inaugurado no Bairro de Fátima. Nos próximos dias, será inaugurado o poço da Praça Catulo, na Vila Passos. Outros quatro poços estão sendo perfurados na Praça da Misericórdia, no Centro; Parque do Bom Menino, Outeiro da Cruz e Monte Castelo. Todos entrarão em operação até o mês de julho.

O programa ainda prevê a conclusão da reforma parcial do sistema Italuís. Porém, para por fim ao histórico rodízio de água na capital, mais do que uma simples reforma, a administração estadual investirá R$ 100 mi no reforço de vazão do Sistema Italuís. A instalação da elevatória na altura do km22 da BR-135 vai reforçar o bombeamento de água do sistema, aumentando em 75% o fornecimento de água na Ilha. O que representa mais do que meros paliativos, resolvendo, em definitivo, o problema de intermitência.

Está também em desenvolvimento o programa de combate a perdas, visto que a média de desperdício de água tratada é de aproximadamente 60%. Uma das ações será a implantação de 130 mil hidrômetros em São Luís e troca de rede de distribuição.

O presidente da Caema, Davi Telles, destaca que esse arcabouço de ações revela a prioridade do programa ‘Água para Todos’ na gestão do governador Flávio Dino. “Nestes meses de gestão consolidamos investimentos que nos permitem dizer que o Maranhão já experimenta hoje o maior ciclo de investimento público em abastecimento de água desde o Italuís, do início da década de 80. Esses investimentos vão desde a fundamental obra do reforço de vazão para acabar com o rodízio histórico de água na capital, passando pelos mais de R$ 70 milhões nos sistemas de abastecimento pleno das sedes das cidades do ‘Mais IDH’ e chega até os R$ 20 milhões para execução imediata em Imperatriz na recuperação do sistema de captação, tratamento e distribuição”, aponta o gestor da Caema.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Criança morre após negligência médica em Axixá

Uma  criança de   1 ano onze meses perdeu a vida na cidade de Axixá, após negligência médica a mãe Valeria Silva se deslocou até o hospital e Maternidade em Axixá nesta segunda-feira (19),   na busca de atendimento médico para seu filho que se chama Dierlison Ryan, a mãe estava desesperada quando chegou no hospital na hora ser atendida o médico de plantão olhou para criança e alegou que a criança estava era só com sono e para mãe não se preocupa, sendo que a criança estava chorando e mãe falou para o médico que seu filho estava sim passado mal mais médico voltou a dizer que era só sono uma omissão de socorro por parte do médico da cidade.
A mãe não foi atendida no hospital onde o profissional da saúde ser quer examinou a criança para ver se tinha algo a mãe acabou voltando para casa sem atendimento médico, com o seu filho quando chegou em sua casa a  criança não resistiu veio a óbito,  morrendo na casa em plena cama da mãe.

A prefeita de Axixá Sônia vem fazendo uma péssima gestão e se q…