Pular para o conteúdo principal

Representante do Ministério da Justiça destaca ações em Segurança implantadas pelo Governo do MA

Durante a discussão entre os representantes do Serviço de Inteligência durante o 6º Encontro de Inteligência, com a presença do governador Flávio Dino e do coordenador-geral da Secretaria Nacional de Segurança Pública, André Mendes, foram discutidos temas como articular forças para combater o crime organizado no Nordeste, integrar os organismos de inteligência da região e aprimorar as novas tecnologias nas investigações criminais.
Coordenador-geral da Secretaria Nacional de Segurança Pública, André Mendes, destacando ações do governo Flávio Dino na área de Segurança Pública.

O membro do Ministério da Justiça, André Mendes, destacou o novo momento da Segurança Pública no Maranhão – que começa a implantar um modelo de articulação e compartilhamento de informações através do Gabinete de Gestão Integrada (GGI), que é presidido pelo governador e articula dados e inteligência de todos os poderes constituídos.
“É preciso destacar aqui o esforço do atual Governo do Maranhão que começa a implantar um modelo articulado de combate ao crime. Por isso, é uma satisfação realizar o evento nesse estado que já está avançando muito nessa nova gestão,” disse Mendes, ao acentuar que o trabalho conjunto entre os estados é fundamental para o combate às quadrilhas.
Esta é a sexta edição regional do encontro dos chefes da Inteligência da Segurança Pública da Região Nordeste, mas é a primeira vez que acontece em São Luís. Integrando as informações e as ações dos Serviços de Inteligência das polícias militares, rodoviárias federais, Ministério Público e Poder Judiciário, é possível trabalhar para superar o alto índice de impunidade e os problemas carcerários encontrados em todo o país.
Durante o evento, o governador Flávio Dino defendeu a integração entre todos os estados da região Nordeste para “superar o gigantesco desafio de conter a violência”. Para ele, as ações interfederativas são elementares para qualificar a ação de todas as polícias. Anfitrião da edição de 2015 do Encontro de Chefes de Organismos de Inteligência do Nordeste, Dino falou ainda sobre as ações que vêm sendo desenvolvidas no Maranhão que resultaram no declínio de crimes violentos e assaltos nos primeiros cinco meses de governo.
Entre elas está o maior investimento em Segurança Pública, que em 2015 já teve execução orçamentária 25% maior que em 2014, abrangendo o mesmo período. A compra de novo sistema de comunicação, aparelhamento das polícias, aumento do salário dos policiais, ampliação da equipe da Polícia Civil e formação de novos agentes militares para estarem nas ruas até o fim do ano foram alguns dos investimentos já realizados.
No entanto, Dino reiterou que uma política de Segurança Pública eficaz só pode ser alcançada em uma sociedade em que a desigualdade social seja combatida – conhecidas como “políticas sociais básicas” para inserir a população em situação de vulnerabilidade social em acesso a serviços públicos de qualidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Prefeita de Rosário compra caixões para enterrar toda a população da cidade

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes, não  investe na saúde da cidade onde no hospital SESP não tem uma agulha e agora a gestora  pretende  enterrar toda população da cidade literalmente lançando um mau agouro aos Rosariense.
De acordo como mostra o contrato  a prefeita Irlahi, determinou a compra de mais de R$ 280 mil em caixões para defunto,  com a fornecedora Deusimar R. Ferreira, nome de fantasia Pax Nossa Senhora do Rosário. O caso deve gera polêmica e revolta onde a prefeita Irlahi pretende enterrar toda a população como mostra o contrato com a fornecedora.
O caso é parecido com o da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, que ficou famosa com o título de prefeita ostentação. Lidiane foi condenada por gastar R$ 130 mil em urnas funerárias… Veja o contrato abaixo: