Pular para o conteúdo principal

Artigo: Mais Esporte e Lazer para todos, Por Flávio Dino

O mês de julho foi de muito orgulho para os maranhenses, que vimos a nossa conterrânea Ana Paula Rodrigues brilhar nas quadras de Toronto durante os jogos Pan-Americanos. Foi ela quem marcou muitos gols da seleção brasileira, inclusive na partida final, levando nosso país ao posto mais alto do pódio. Outro exemplo da garra das mulheres maranhenses no esporte é Iziane Castro, que brilhou por mais de 10 anos na seleção brasileira de basquete.

São exemplos como o de Ana Paula e Iziane que estamos, com investimento e seriedade, semeando pelo Maranhão afora. Por uma feliz coincidência, na semana seguinte ao ouro conquistado por Ana Paula no Canadá, aqui daremos início à etapa estadual da maior edição dos Jogos Escolares Maranhenses. Nesta terça, faremos uma bela festa para celebrar o início da fase final dos jogos que estão reunindo mais de 50 mil estudantes de 1.600 escolas públicas e particulares do Estado.

Esta edição contará também com a maior inclusão municipal, pois participarão alunos de 96 cidades, número que é 50% superior à participação de 2014. Na abertura, a tocha olímpica que simboliza os jogos percorrerá as ruas de São Luís e será recepcionada no ginásio Castelinho.

Sabemos que o apoio aos atletas que percorrem longas distâncias para participar dos jogos em São Luís é fundamental. E por isso os JEMs terão uma estrutura própria para alimentação com café, almoço e jantar para os atletas que estiverem na capital, diferente do que se via em anos anteriores. Utilizaremos para isso o Parque da Vila Palmeira, que também será espaço para confraternização dos novos atletas, com apresentações culturais e espaço de vivência durante os jogos.

Apoiamos fortemente o esporte educacional no Maranhão por vários motivos. Um deles é descobrir e estimular futuros atletas de alto rendimento. Mas mesmo que isso eventualmente não ocorresse, o esforço já valeria a pena, pois o esporte é um direito constitucional, para o qual o acesso deve ser viabilizado por políticas públicas. Ademais, temos a convicção de que ele é um dos mais eficazes caminhos de valorização da juventude, combate ao crime, especialmente ao tráfico de drogas, além dos benefícios à saúde que a prática de atividades físicas traz. 

Além de fortalecer os jogos escolares com mais estrutura e maior participação, estamos avançando, através da Secretaria de Esporte, em ações de promoção de lazer e prática esportiva. Uma delas é requalificar os espaços de prática esportiva e, ainda este ano, vamos iniciar a implantação do programa “Mais Esporte, Mais Lazer” em todas as regiões do Estado. Já iniciamos os projetos para construir espaços de prática de esporte e cultura, com investimento de R$ 40 milhões.

Destaco, ainda, que estamos apoiando o Sampaio Correa e o Imperatriz, que representam o Maranhão nas séries B e D do Campeonato Brasileiro, com obras, recursos da Lei de Incentivo e com a viabilização de acompanhamento físico, com a parceria da Universidade Federal do Maranhão. Menciono, finalmente, o constante apoio a projetos municipais, em várias áreas e modalidades, a exemplo do que ocorreu no município de São Domingos.

Apoiando desde atletas de alto rendimento até iniciativas municipais, educacionais ou comunitárias, bem como promovendo acesso ao esporte com infraestrutura e logística, estamos concretizando um direito, levando oportunidades e alegria para milhares de pessoas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Criança morre após negligência médica em Axixá

Uma  criança de   1 ano onze meses perdeu a vida na cidade de Axixá, após negligência médica a mãe Valeria Silva se deslocou até o hospital e Maternidade em Axixá nesta segunda-feira (19),   na busca de atendimento médico para seu filho que se chama Dierlison Ryan, a mãe estava desesperada quando chegou no hospital na hora ser atendida o médico de plantão olhou para criança e alegou que a criança estava era só com sono e para mãe não se preocupa, sendo que a criança estava chorando e mãe falou para o médico que seu filho estava sim passado mal mais médico voltou a dizer que era só sono uma omissão de socorro por parte do médico da cidade.
A mãe não foi atendida no hospital onde o profissional da saúde ser quer examinou a criança para ver se tinha algo a mãe acabou voltando para casa sem atendimento médico, com o seu filho quando chegou em sua casa a  criança não resistiu veio a óbito,  morrendo na casa em plena cama da mãe.

A prefeita de Axixá Sônia vem fazendo uma péssima gestão e se q…