Pular para o conteúdo principal

Cresce 25% o total de homicídios dolosos na Ilha

Numero refere-se ao aumento ocorrido em fevereiro, em comparação a janeiro.Até fim da tarde de ontem, haviam sido registrados 69 assassinatos na Região Metropolitana este mês.
Os 28 dias de fevereiro deste ano foram 25% mais violentos em comparação com o registrado no mesmo período de janeiro. A constatação, feita por O Estado com base nos dados do Instituto Médico Legal (IML) e da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP), se refere apenas aos casos de homicídios dolosos. Além dos assassinatos, ainda de acordo com a SSP e IML, outras quatro pessoas morreram em confronto com a polícia, somente este mês.

De acordo com o levantamento, até o fechamento desta edição pelo menos 69 pessoas haviam sido assassinadas nos quatro municípios da Grande Ilha, seja por arma branca ou arma de fogo. Em contrapartida, nos 28 primeiros dias deste ano, 52 pessoas foram mortas de forma violenta. De sexta-feira, 26, até o início da tarde de ontem, nove corpos deram entrada no IML vítimas da violência, além de um morto em confronto com a polícia.

Informações

O IML confirmou apenas a O Estado, alegando restrição nas informações por motivos de força maior que, deste total, sete foram mortas por arma de fogo, outros dois por arma branca. Por arma de fogo, deram entrada os seguintes corpos: Claudiomar Serra Ferreira, de 39 anos, morto após reagir a assalto, no início da tarde de ontem no Itapera, zona rural de São Luís; Rafael Alves da Rocha, de 20 anos de idade; Jailton Costa, de 36 anos; Diego André Costa Pires, de 25 anos, morto com pelo menos 10 tiros em sua residência, na travessa Nossa Senhora de Fátima, na Vila Janaína; e Pedro Alves da Costa, morto na rua São José, na Vila Esperança, na noite de sábado, 27.
Ainda foram mortas por arma de fogo as seguintes vítimas: Leonardo Borges Gomes, de 31 anos, procedente do bairro Vicente Fialho. Segundo informações preliminares da polícia, a vítima seguia em via pública, por volta da 0h30 de sábado, 27, quando homens se aproximaram da mesma e desferiram tiros, fugindo em seguida. Até agora, não há informações sobre os autores do crime. Por fim, a sétima vítima de arma de fogo, somente este fim de semana na Região Metropolitana, foi Edimilson Costa Serra, de 52 anos, no Parque Jair na sexta-feira, 26.
Uma mulher ainda sem identificação, de acordo com informações do IML, foi morta por arma branca e o corpo da vítima foi removido no bairro Diamante, na madrugada de ontem. Outra vítima de arma branca, neste fim de semana, foi um homem que também permanecia até ontem sem identificação e cujo corpo foi proveniente da Vila São José.

De OEstado

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Rosário pura maldade: Empresária é perseguida pela prefeita Irlahi

A prefeita de Rosário Irlahi  Moraes, está perseguindo a empresária Lidiane Oliveira, onde a prefeita mandou construir um muro simplesmente para os frequentadores do seu estabelecimento que fica localizado na praça em frente a prefeitura que pertence a prefeita Irlahi, não frequente o estabelecimento da empresária fechando a passagem  do estabelecimento para ninguém passar  onde a empresária  vende sorvete em frente  a praça um desrespeito para o próximo que trabalha justo.

A empresária rosariense que vende sorvete está trabalhando honestamente e justamente para sustentar sua família e a prefeita ditadora Irlahi, além de não proporcionar geração de emprego e renda na cidade  através do concurso público, fica perseguindo as pessoas onde dona do empreendimento já acionou a prefeita Irlahi, na justiça onde a prefeita  se valoriza de bem público que é da população para realiza ganhos próprios. 
A praça da prefeitura de Rosário foi construída com emenda federal de 500 mil reais onde esse val…

TRAGÉDIA: Funcionário Rosariense terceirizado da Cemar morre eletrocutado em poste na cidade de Axixá.

Tragédia marca o começo do final de semana de setembro na cidade de Axixá. Onde foi registrado um acidente fatal de trabalho, no povoado Ruy Vaz, que aconteceu por volta das 16h00min, na sexta-feira (1º) com um funcionário de uma empresa terceirizada que presta serviço para Cemar na cidade de Rosário, que resultou na morte de um jovem identificado como José Anderson. O acidente de trabalho interrompeu os sonhos do jovem que era morador da cidade de Rosário. Segundo informações, o funcionário realizava um trabalho em uma rede baixa tensão, quando por motivos ainda desconhecidos recebeu uma descarga elétrica, ainda no poste que executava o serviço. José Anderson, era funcionário da empresa terceirizada há apenas uma semana. O gestor regional da Cemar, Demerson, que atende a região do Munim e lençóis maranhense, falou a imprensa localque os procedimentos foram feitos após o acidente. Sendorealizado a descida da vítima, depois o corpo foi encaminhado em uma ambulância para o hospital do mun…

Prefeita de Rosário compra caixões para enterrar toda a população da cidade

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes, não  investe na saúde da cidade onde no hospital SESP não tem uma agulha e agora a gestora  pretende  enterrar toda população da cidade literalmente lançando um mau agouro aos Rosariense.
De acordo como mostra o contrato  a prefeita Irlahi, determinou a compra de mais de R$ 280 mil em caixões para defunto,  com a fornecedora Deusimar R. Ferreira, nome de fantasia Pax Nossa Senhora do Rosário. O caso deve gera polêmica e revolta onde a prefeita Irlahi pretende enterrar toda a população como mostra o contrato com a fornecedora.
O caso é parecido com o da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, que ficou famosa com o título de prefeita ostentação. Lidiane foi condenada por gastar R$ 130 mil em urnas funerárias… Veja o contrato abaixo: