Pular para o conteúdo principal

Governo abandona obras da USC na Cidade Olímpica

As obras da Unidade de Segurança Comunitária (USC), localizada na rua 17, travessa P, no bairro Cidade Olímpica – em São Luís – foram abandonadas pelo Governo do Maranhão. De acordo com moradores da região, serviços não foram concluídos pela empresa responsável, que teria abandonado o canteiro dos trabalhos há pelo menos um ano.
No local, pelo menos 70% dos trabalhos foram concluídos, incluindo salas. No entanto, ainda falta o acabamento dos arredores do terreno, além da conclusão do muro que cercará a USC. Até mesmo uma câmera do sistema de videomonitormanto permanece instalada no local onde deveria funcionar a unidade da Polícia Militar (PM).
Além dos serviços inacabados, é possível ver ainda milhares de tijolos, carradas de areia e ferramentas que possivelmente estavam sendo usadas pelos operários, antes do abandono. Segundo o morador José de Arimatéia Nunes, que reside a poucos metros do terreno onde seria feita a unidade de segurança, funcionários da empresa não deram explicação sobre o abandono da obra. “ Acredito que tenha sido por não receber. Os operários saíram e não deram qualquer explicação”, disse.
De acordo com a placa fixada na entrada do terreno onde funcionaria a USC, os serviços custariam – no total – R$ 444.113,35, oriundos de parceria entre os governos Federal e Estadual. Ainda segundo a placa, os serviços foram iniciados no dia 3 de julho de 2014.
Caso estivesse entregue, a USC poderia atenuar os índices de insegurança em um dos bairros mais violentos da capital maranhense. No dia 14 do mês passado, conforme consta no relatório divulgado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP), em seu site oficial, a vítima – identificada por José de Ribamar Nascimento Júnior – de 26 anos foi assassinada com vários tiros em via pública, no bairro.
Além de assassinatos, a USC também combateria os assaltos na região, especialmente a coletivos. Atualmente, a capital maranhense possui as USCs do Coroadinho e da Vila Luizão /Divineia. Apesar da presença das USC, a violência ainda não foi minimizada. No dia 27 de janeiro deste ano, O Estado mostrou que – mesmo situada a poucos metros da USC – a UEB João de Souza, na Vila Luizão, foi invadida por assaltantes.
Resposta
Procurada por O Estado, a SSP informou que já “ está adotando as medidas para que os trabalhos de construção sejam retomados”. No entanto, a pasta não informou sobre o porquê da suspensão dos trabalhos.




De OEstado 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Prefeita de Rosário compra caixões para enterrar toda a população da cidade

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes, não  investe na saúde da cidade onde no hospital SESP não tem uma agulha e agora a gestora  pretende  enterrar toda população da cidade literalmente lançando um mau agouro aos Rosariense.
De acordo como mostra o contrato  a prefeita Irlahi, determinou a compra de mais de R$ 280 mil em caixões para defunto,  com a fornecedora Deusimar R. Ferreira, nome de fantasia Pax Nossa Senhora do Rosário. O caso deve gera polêmica e revolta onde a prefeita Irlahi pretende enterrar toda a população como mostra o contrato com a fornecedora.
O caso é parecido com o da ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, que ficou famosa com o título de prefeita ostentação. Lidiane foi condenada por gastar R$ 130 mil em urnas funerárias… Veja o contrato abaixo:


Três pessoas são presas durante megaoperação contra pedofilia em Rosário, São Luís e Paço do Lumiar

A Polícia Civil do Maranhão deflagrou na manhã desta sexta-feira (20), a operação ‘Luz na Infância’ que tem como objetivo apurar crimes de exploração sexual e pedofilia contra crianças e adolescentes. Estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão nos municípios de São Luís, Rosário e Paço do Lumiar. Três pessoas foram presas. Os alvos da operação foram identificados por meio de um levantamento de informações da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil. Com base nas informações e evidências coletadas em ambientes virtuais, foi instaurado um inquérito policial que resultou nos mandados de busca e apreensão emitidos pelo Poder Judiciário. A operação visa apreender computadores e dispositivos onde estão armazenados conteúdos de pedofilia infantil. As investigações estão sendo realizadas há seis meses e a ação envolve 1.100 policiais. Em São Luís, no bairro Santa Cruz, foi preso o músico Oziel Franklin Estrela Gomes e o agente …

Prefeitura de Rosário serve duas espigas de milho cruas para alunos em escola.

Os pais de alunos da escola municipal Maria da Mercês  Teixeira localizada no bairro Cidade Nova em Rosário, estão revoltados com a prefeita Irlahi Moraes, vários país  entraram em contato com o blog para denunciar que as crianças  da escola municipal  estão lanchando duas espigas  de milho onde muitas crianças ficam com fome.

A revolta do país é tão grande que as espigas de  milho até cruas estão sendo servidas na escola da rede municipal  de Rosário "Isso é uma vergonha uma maldade para com as crianças que estão passando fome na escola, como pode se servir duas espigas de milhos cruas para um criança que precisa  de uma merenda adequada de qualidade isso é uma vergonha um desrespeito" desabafa uma mãe ao blog .

A mãe que denunciou esse desrespeito da prefeita Irlahi mandou um vídeo que está rolando nas redes Sociais de uma outra mãe que está  revoltada para mostrar a veracidade do desrespeito que está acontecendo na escola Municipal Maria Mercês Teixeira.
A merenda tem que se…