Pular para o conteúdo principal

Prejuízo de empresários com ônibus queimados já chega a R$ 1 milhão

Ônibus destruídos em incêndio criminoso na noite de quinta-feira 19, na Liberdade
Já soma R$ 1 milhão o prejuízo das empresas de transporte coletivo de São Luís por causa dos ataques que aconteceram na cidade de quinta-feira, dia 19, até o domingo, dia 22. Segundo o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET), 17 ônibus foram atacados ou sofreram tentativas de depredação. Destes, sete tiveram perda total, somando R$ 1 milhão em prejuízos para os empresários. Por causa dos ataques, na quinta-feira, 19, e no sábado, 21, os usuários ficaram sem transporte à noite. O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Maranhão (Sttrema) afirmou que novo recolhimento da frota dependerá da efetividade das ações policiais de combate ao crime.

Os ataques a ônibus em São Luís começaram na quinta-feira. Por volta das 18h30, um ônibus da linha Jardim Tropical sofreu tentativa de depredação e por volta das 19h um veículo da linha Liberdade foi incendiado, em São Luís. O último ataque aconteceu por volta das 18h de domingo, quando um ônibus da linha Alto do Turu foi atacado por criminosos. Este foi considerado pelo SET como o ataque mais grave.

“Nos ataques anteriores, as informações que temos é de que os criminosos mandavam as pessoas descerem. Nesse, assim que o coletivo chegou ao ponto final, foi recebido a tiros. Os passageiros, cobrador e motorista correram sério risco”, disse José Luiz de Oliveira Medeiros, presidente do SET.

Prejuízo

O SET ainda está fazendo um levantamento de quanto é o prejuízo acumulado pelo setor até agora, por causa dos ataques. “Ainda não concluímos o levantamento de quanto foi o prejuízo total acumulado todas essas ações, mas as empresas estão verificando”, afirmou o presidente do SET, José Luiz Medeiros. No entanto, Medeiros estimou em R$ 1 milhão o prejuízo acumulado apenas com os sete coletivos que tiveram perda total com os incêndios.

Por causa dos ataques, os coletivos foram substituídos por outros da chamada “frota reserva”. “Cerca de 12% da nossa frota é reserva. Temos pelo menos 100 ônibus de reserva em São Luís que são colocados em operação quando necessário. Mas essa substituição prejudica e atrasa nosso cronograma de manutenção dos veículos que circulam diariamente”, informou José Luiz Medeiros.

Ainda segundo o SET, em reuniões com o Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís, já foi discutida a possibilidade de ressarcimento dos prejuízos dos empresários pelo poder público.

Por causa dos ataques a população ficou sem transporte nas noites de sexta-feira e sábado. “No sábado, o recolhimento foi causado por boatos, então, o SET e os rodoviários recolheram a frota, acreditando que, por causa do ocorrido na sexta-feira a população estaria em casa mais cedo no sábado”, disse Medeiros.

Ainda segundo o presidente do SET, a orientação dos empresários é de que mesmo com ataques, a frota circule em seu horário normal, até as 22h30, com recolhimento começando às 23h, como ocorre diariamente.

Recolhimento
O presidente do Sttrema, Isaías Castelo Branco, informou que o recolhimento da frota vai depender da ocorrência de novos ataques e da avaliação da executiva do sindicato sobre o cumprimento, pela Polícia Militar (PM), do esquema de segurança que ficou acordado em reuniões que ocorreram logo após os primeiros ataques. “No caso do ataque ocorrido ao ônibus no Alto do Turu, nos foi confirmado que a viatura que estava no ponto final da linha saiu e quando o ônibus voltou, ficou desprotegido”, informou.

Ainda segundo Isaías Castelo Branco, a maioria dos ônibus atacados é de linhas da zona rural e de bairros dos demais municípios da Região Metropolitana de São Luís. Com o reforço no policiamento após os ataques registrados na quinta-feira, 19, e na sexta-feira, 20, no fim de semana, os criminosos conseguiram incendiar apenas dois coletivos, ambos no Alto do Turu (um no sábado, 21, por volta das 6h, e outro no domingo, 22, às 18h). No primeiro dia de atos criminosos, os ataques se concentraram no período da noite. Já na sexta-feira, os ataques foram registrados ao longo do dia, sendo o primeiro às 7h10 e o último por volta das 20h.

CRONOLOGIA DOS ATAQUES, PREJUÍZO JÁ CHEGA A R$ 1 MILHÃO 

Quinta-­feira (19)
18h30 ­ Jardim Tropical, Vila Roseana, Cidade Verde e Vila Cafeteira (tentativa)
19h30 ­ Liberdade
20h30 ­ Raposa

Sexta-­feira (20)
7h10 ­ João de Deus
11h ­ Coroadinho (tentativa)
12h ­ Sol e Mar
18h30 ­ Parque Jair
19h ­ Vila Maranhão
19h ­ Residencial Nova Terra
20h ­ Vila Luizão

Sábado (21)
6h ­ Alto do Turu

Domingo (22)
18h ­ Alto do Turu

Segunda (23)
20h Vila Maracujá (tentativa)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Moradora do povoado de São Miguel leva água suja para a prefeita Irlahi beber e depois a esculhamba

A prefeita de Rosário Irlahi Moraes (PMDB), foi esculhambada durante uma reunião realizada na terça-feira passada (14), em Casa Grande no povoado de São Miguel, segundo uma fonte que estava na reunião uma mulher conhecida como Rosa na hora do discurso da prefeita Irlahi no povoado entregou um presente para a prefeita embrulhado em um papel de presente quando a prefeita Irlahi Moraes, totalmente sorridente desembrulhou o presente viu que  era um litro de água que continha uma  água totalmente suja imprópria para o consumo a fisionomia da prefeita de Rosário Irlahi mudou quando os moradores do povoado gritaram para a prefeita Irlahi beber a água suja que estava no litro mais a prefeita recusou beber a água suja.
A moradora Rosa do povoado de São Miguel soltou o verbo e disse "olha isso Prefeita Irlahi está água que nós tomamos aqui no povoado uma água suja, imprópria para o consumo sem tratamento  a senhora abandonou o povoado de São Miguel e a resposta virá nas urnas no mês de outu…

MP notificou a prefeita Irlahi e Calvet Filho por campanhas irregulares e crimes eleitorais; Irlahi ainda responde por Showmício

Rosário-MA: Dois candidatos a prefeitos de Rosário foram notificados na Justiiça Eleitoral pelo Ministério Público, devido a irregularidade em suas campanhas e até crimes eleitorais.  As notificações foram assinadas pela juíza eleitoral Karine Lopes de Castro da 18ª Zona Eleitoral-MA.

Contra Irlahi Moraes (PMDB) pesa a representação Nº 795-46.2016.6.10.0094 e contra Calvet Filho (PSDB) a N° 746-31.2016.10.6.10.0094. É importante ressaltar que eles podem recorrer, mas por se tratar de ações ingressadas pelo próprio MP é bem possível que sejam punidos. Nos bastidores políticos já é esperado que ambas campanhas recebam multas pesadas.


Irlahi Moraes desde a sua convenção tem atropelado todos os protocolos eleitorais, por exemplo: realizando caminhada no dia da sua convenção pelas ruas da cidade a distâncias superiores a 100 metros do local do evento. Já Calvet Filho ates mesmo da eleição já fazia propaganda irregular desafiando a Justiça Eleitoral com comícios, carros adesivados com propaga…

Rosário:IRLAHI Moraes a nova prefeita ostentação do MA

O retrato verdadeiro do contraste social acontece no município de Rosário, de um lado o descaso e o desprezo com a população. E do outro lado, muita ostentação e curtição. Quem conhece a cidade de Rosário pode sentir na pele a falta de compromisso da atual gestão, comandada pela prefeita de Rosário Irlahi Moraes, com a precariedade da saúde, a falta de infraestrutura nos bairros da cidade  e nos povoados, as estradas na zona rural sem manutenção, falta de água em muitos povoados sem falar da água suja sem qualidade nos povoados.


Como se não bastasse todo esse caos e em plena crise administrativa que passa Rosário mostra que tem bastante dinheiro em caixa, pelo menos pra ostentar. A prefeita Irlahi Moraes foi flagrado  ostentando na companhia do Namorado o ex-deputado estadual Pedro Vasconcelos e família, numa  luxuosa Lancha no Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses com toda a família. O brasil desabando, o município sem dinheiro para pagar os fornecedores a saúde um caos, Irlahi viaj…